Utilizamos cookies!

Olá! Nós utilizamos cookies para melhorar a experiência dos nossos usuários e usuárias ao navegar por nossos sites. Ao continuar utilizando nossos serviços online, entenderemos que você estará contente em nos ajudar a construir uma sociedade mais inclusiva e aceitará nossos cookies.

Para conferir como cuidamos de seus dados e sua privacidade, acesse nossa Política de Privacidade.

11 de novembro de 2016

Carta de Esclarecimento

Imagem em destaque: Desenho colorido com fundo azul escuro. À esquerda há a ilustração de uma lâmpada, em que a parte que acende é amarela e tem o smile de óculos escuro e sorriso. Da parte superior saem ícones como cifrão, balança, relógio, bússola, conexão entre nuvem, celular, computador e tablet, um megafone, um alvo, peças de quebra-cabeça, livro, maleta, bússola e outros. Fim da descrição.

Recentemente tivemos ciência do caso exposto na carta aberta a Fundação Dorina assinado pelos Movimentos Sociais Independentes pelos Direitos das Pessoas com Deficiência.

Informamos que já estamos tomando medidas para esclarecer às editoras sobre os artigos da Lei Brasileira da Inclusão que tratam do acesso ao livro e os formatos acessíveis, bem sobre como deve ser o atendimento às pessoas com deficiência visual.

O nosso objetivo é ressaltar a importância e obrigatoriedade do atendimento direto pelas editoras às solicitações do público cego ou com baixa visão e que não pode haver recusa para tais demandas.

Estamos à disposição para mais informações pelos contatos: comunicacao@fundacaodorina.org.br e presidencia@fundacaodorina.org.br

Ika Fleury
Presidente do Conselho de Curadores
Fundação Dorina Nowill para Cegos